Contador Grátis Erik Têndoro Blog: Junho 2009

25 de junho de 2009

O Verdadeiro São João


Pesquisando na internet achei um texto bastante interessante a respeito de São João e gostaria de compartilhar com todos.



São João é João Batista!

O Verdadeiro São João
de Dennis Downing



Eu moro no nordeste. Para muitas pessoas aqui, Junho é o mês de São João. Maria, a mãe do nosso Senhor Jesus Cristo e Isabel eram parentes (Lc 1:36). Segundo a tradição, elas combinaram para que, quando o filho de Isabel nascesse, esta ascenderia uma fogueira para avisar a Maria. Daí surgiu a tradição das fogueiras na véspera de São João. O filho que nasceu a Isabel foi aquele conhecido como João Batista.




Hoje, curiosamente, devido à proximidade do feriado de São João com o de Corpus Christi, muitos resolvem “trocar” o feriado de Corpus Christi pelo de São João. Ou seja, ao invés de separar um dia para comemorar Corpus Christi, uma data designada para lembrar a instituição da eucaristia, comemoram uma data mais festiva, a de São João.




Alguns podem alegar com toda razão que nenhuma das datas consta nas Escrituras e portanto não devem ser nem reconhecidas. Mas, outros respeitam e separam um tempo especial para estes dias. Talvez nem devíamos ligar. Ou talvez poderíamos aproveitar a oportunidade para lembrarmos a nós mesmos e aos nossos próximos que, por trás de feriados e datas e nomes de santos, haviam personagens verídicos, com histórias de grande importância para nós hoje. O que será que o próprio João Batista, o “São João”, teria pensado? Como era o São João da Bíblia?
A missão de João foi prevista em profecia (Mt 3:3; Isa 40:3; Mal 3:1) e seu nascimento anunciado por um anjo (Lc 1:13-17). Ele era cheio do Espírito Santo desde antes que nasceu (Lc 1:15). Como adulto, João pregou com poder, sendo ouvido por multidões que se arrependeram e foram batizadas (Mc 1:4-5). O próprio Jesus pediu para ser batizado por João (Mt 3:13) e afirmou que “entre os nascidos de mulher, ninguém apareceu maior do que João Batista” (Mt. 11:11).




Apesar de tudo isso, João reconheceu que por maior e mais importante que sua missão fosse, ele seria ultrapassado por Jesus. Ao se comparar pessoalmente a Jesus, ele afirmou “Convém que ele cresça e que eu diminua.”




João falou assim de Jesus:“Após mim vem aquele que é mais poderoso do que eu, do qual não sou digno de, curvando-me, desatar-lhe as correias das sandálias.” Mc 1:7Quando Jesus quis ser batizado por João, João respondeu: “Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim?” Mt 3:14...viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! É este a favor de quem eu disse: após mim vem um varão que tem a primazia, porque já existia antes de mim.” João 1:29-30“Convém que ele cresça e que eu diminua. Quem vem das alturas certamente está acima de todos; quem vem da terra é terreno e fala da terra; quem veio do céu está acima de todos” João 3:30-31




A profecia a respeito de João focalizou a coisa mais importante que ele seria e faria: “Voz do que clama no deserto”. João proclamou a vinda de Jesus. Ele anunciou a missão de Jesus. Ele não gastou seu tempo e energia falando de si ou de sua missão. Ele se concentrou naquele que era mais importante – Jesus. Alguém disse “João foi apenas uma voz, mas ainda podemos ouvir o som daquela voz ecoando pelos corredores dos séculos.”




O que aquela voz anunciou ainda precisa ser anunciado hoje. O mundo precisa ouvir ainda que Jesus é o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo, que há uma esperança e que a morte não é o fim das nossas vidas.




Nos anos ’50 o famoso evangelista W.E. Sangster descobriu que tinha uma doença incurável, que causava atrofia muscular progressiva. Seus músculos iriam aos poucos atrofiar e ele perderia sua voz. Sangster se entregou ao máximo no seu trabalho de missões domésticas na Inglaterra.
Mas, aos poucos sua voz acabou por completo. Tremendo, ele ainda conseguia segurar uma caneta. Na manhã de seu último domingo de páscoa, poucas semanas antes de falecer, ele escreveu um recado para sua filha.




Na mensagem ele escreveu, "É terrível acordar no domingo de Páscoa sem voz para proclamar "Ele ressuscitou!". Porém, mais terrível ainda seria ter uma voz e não ter nada para proclamar."

Ao lembrarmos “São João” nesta época do ano, podemos não ter muita eloqüência ou posição de destaque. Podemos estar apenas num lugar humilde e com poucos recursos. Mas, a maioria de nós temos tudo que João tinha – o conhecimento de quem é Jesus e o que Ele fez por nós – e uma voz para anunciar. Que sejamos fiéis naquilo que o Senhor nos deu e aonde ele nos colocou, vozes proclamando a Jesus Cristo, ainda que no deserto.
Related Posts with Thumbnails

16 de junho de 2009

Um herói!




É incrível em quanto crianças nós somos levados a admirar os super-heróis, os antigos homem aranha, Batmam sempre estão a tona uns menos modernos ganham novas versões como o Jaspion, Giraia que viram Power Rangers e outros, além das versões modernas como Ben10 e outros desenhos no modelo japonês.

É difícil vermos uma criança que não admire um desses super poderosos, homens indestrutíveis, aprova de tudo e com poderes miraculosos. Pensando bem até nós adultos precisamos de algo superior para nos apoiar, por isso se inventam novos santos todos os anos, fitinhas protetoras, arruda, pé de coelho, horóscopo, cor da sorte, em algumas igrejas, alianças, chaves, trigo. Tudo faz com que a pessoa se direcione ao sobrenatural e oculto para poder ter um pouco dos super-heróis dentro de si, para poder vencer barreiras e alcançar sucesso, muita literatura, auto ajuda, palestras motivacionais, simpatias tudo para que você encontre em si mesmo o super-herói. A criança ao assistir, vestir-se, decorar seu quarto tudo com ênfase em seu grande admirado, faz com que ela se sinta o próprio herói de sua história. Que na verdade é um engano.

Quantos estão se enganando com histórias que parecem contos infantis sem fundamento sem verdade alguma, preferem lendas a crerem na bíblia que é a verdade de Deus para o homem e que se tem comprovado por muitas evidencias o comprimento de suas profecias, em descobertas históricas, e com comprovação cientifica além de sua maior prova ser as transformações que ela traz na vida de quem dá crédito a ela.

Mas reafirmo que o homem precisa de um super-herói, não que mata destrói, aniquila, mas um que ama, sofreu por amor e bem diferente dos super-heróis da mídia ele morreu para demonstrar o seu amor. Sabendo que precisávamos de um super-herói Deus pai mandou seu filho a terra e disse frases que em nenhum grande nome da história pode dizer, onde apenas um herói da humanidade poderia dizer.





Observe algumas frases ditas por meu herói:




João 12.24 “Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo caindo na terra não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto”.

João 12.27 “Agora a minha alma está perturbada; e que direi eu? Pai, salva-me desta hora? Mas para isto vim a esta hora”.

João 12. 32 E eu, quando for levantado da terra, todos atrairei a mim.

Todas as 3 passagens citadas no mesmo capitulo12 de João fala do ato heróico de Jesus na cruz. A sua morte para nos salvar.

Eles tem um convite a todos:

João 12.46 Eu, que sou a luz, vim ao mundo, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas.

Venha para a luz ao lado do super senhor Jesus ele te espera.

Erik Rafael Têndoro
eriktendoro.blogspot.com
eriktendoro@hotmail.com
Related Posts with Thumbnails

13 de junho de 2009

Minha namorada!




Essa moça bonita ao lado é minha namorada,seu nome é Luciana, a mulher mais linda do mundo, ela é muito mais do que minha namorada, ela é minha amiga, minha conselheira e abaixo de Deus quem nos ultimos tempos mais tem cuidado de mim.

Sei que dou trabalho, mas como ela mesmo diz:Tenho dois bebês, o detalhe é que um que vai fazer 4 e outro mais grandinho já fez 28.

Quero aproveitar a passagem do dia dos namorados para externar minha gratidão a Deus pela vida da minha esposa, e dizer a ela o quanto a amo e o quanto ela é importante para mim.


Para retratar o meu amor, fazerei minhas as palavras de Salomão a sua Sulamita em alguns trechos do capitulo 1 do livro de Cantares.
"Beije-me ele com os beijos da sua boca; porque melhor é o seu amor do que o vinho.

Eu sou morena, mas formosa, ó filhas de Jerusalém, como as tendas de Quedar, como as cortinas de Salomão.
Formosas são as tuas faces entre as tuas tranças, e formoso o teu pescoço com os colares.
Nós te faremos umas tranças de ouro, marchetadas de pontinhos de prata.

Eis que és formosa, ó amada minha, eis que és formosa; os teus olhos são como pombas".
TE AMO GATONA!
Para não ficar só em minhas palvras vai ai uma pequena explicação sobre o livro de cantares:

Comentário:

O livro descreve o amor e casamento de Salomão (chamado o amado) com uma jovem camponesa (denominada sulamita). Compõe-se totalmente de discursos pronunciados principalmente pela sulamita e por Salomão. Visto como se trata de poesia oriental antiquíssima, difere basicamente da forma como um escritor devoto da atualidade poderia apresentar as mesmas idéias básicas. Descreve a beleza do amor puro entre uma mulher e um homem, amor que se aprofunda numa devoção recíproca e imperecível. A mensagem fundamental é a pureza e o caráter sagrado do amor no casamento - mensagem muito necessária em nossos dias de tantas promessas matrimoniais quebradas e de divórcios fáceis.
Ao mesmo tempo, os Cantares de Salomão lembram-nos que o que sustenta todo o amor humano puro é o maior e mais profundo de todos os amores - o amor de Deus, que sacrificou a seu Filho para redimir os pecadores, e do amor do Filho de Deus que sofreu e morreu por sua esposa, a igreja. Cantares de Salomão não é alegoria nem tipo, mas uma parábola do amor divino que constitui o pano de fundo e a fonte de todo o verdadeiro amor humano.

Autor:

O título (1:1) diz que Salomão é o autor. Isto está de acordo com o conteúdo do livro, especialmente a descrição da natureza. Até agora ninguém apresentou um caso convicente contra a paternidade literária de Salomão. Foi rei de Israel entre os anos 973 a 933 a.C., aproximadamente.
Forte abraço
em Cristo
Erik Tendoro
eriktendoro.blogspot.com.br
Related Posts with Thumbnails

12 de junho de 2009

Procura-se


O que o homem procura?

Todos nós procuramos algo, alguém ou alguma coisa. O bebê procura aconchego nos braços da mãe, a criança procura as brincadeiras, o jovem procura namoro, pai de família procura trabalho, o corpo procura descanso.

Filosofando sobre a vida descobri que todos estão à procura de alguma coisa, empregos, posição dinheiro, sucesso, paz, alegria, felicidade. Vivemos em uma busca contínua para suprir nossos sentimentos, vaidades, desejos, projetos.

Veja o texto de Lucas 19-2 e 3 que diz: Havia ali um homem chamado Zaqueu, o qual era chefe de publicanos e era rico.Este procurava ver quem era Jesus, e não podia, por causa da multidão, porque era de pequena estatura.

Zaquel não foge dos demais homens, também estava à procura de algo, na ocasião de ver quem era Jesus, mas nota-se pelo texto bíblico que ele também já esteve à procura de outras coisas, veja-mos:


...era chefe de publicanos e era rico. Ele certamente procurou e achou a oportunidade de ser um publicano, ou seja um funcionário publico que de certo lhe trouxe uma vida melhor, depois ele procurou e achou a chefia, que lhe trouxe um grau mais elevado com ele uma posição social mais elevada, ele procurou e achou a riqueza, pois a bíblia é clara em afirmar ele era rico.

Ninguém encontra um emprego sem procurar, ninguém encontra a chefia sem procurá-la, ninguém fica rico sem procurar a riqueza. Mas muitos procuram uma coisa e acabam por achar outras, pode-se sair para ir ao banco e achar um assalto, pode-se sair para uma viagem e achar um acidente, muitos jovens saem atrás de diversão e acham à morte, outros saem atrás de prazeres e acham a Aids.

A bíblia diz que Geazi saiu atrás das riquezas de Naamã e ganhou uma lepra, Balaão procurou as honrarias de Balaque e achou a correção de Deus através da jumenta, Hamã procurou a morte do povo de Deus junto com Mardoqueu e achou a forca. Porém Saul procurava as jumentas de seu pai e achou Samuel para ungi-lo rei de Israel.

O que você tem procurado? Coisas concernentes ao céu, ou apenas o material a bíblia afirma em Mateus 12.35 “O homem bom, do seu bom tesouro tira coisas boas, e o homem mau do mau tesouro tira coisas más”. Ou seja o homem mau procura coisas más o bom coisas boas. Seja boa ou má, alguma coisa todos iram achar. Zaquel procurou ser chefe dos publicanos e achou riqueza e de quebra a irá dos que eram tributados por sua equipe de cobradores de impostos.

Faço votos que você amado seja como Zaquel, que procurou tantas coisas materiais, e até achou, mas de certo toda a riqueza não supriu o vazio que sentia no peito e logo passou a procurar Jesus e por conseqüência achou a salvação e a vida eterna com Deus.

Forte abraço
Deus abençoe
Erik Rafael Têndoro
eriktendoro.blogspot.com
eriktendoro@hotmail.com
Related Posts with Thumbnails

Pesquisar no blog