Contador Grátis Erik Têndoro Blog: Junho 2012

13 de junho de 2012

Cooperar para crescer


No tempo em que vivemos da individualidade, disputas e grande concorrência estamos por perder quase que por completo o “espírito cristão” do cooperativismo. Cooperar é demonstrar para o outro a amplitude da graça de Deus (II Co. 8 e 9). Cooperar também é operar com Deus. Sem cooperação de seus membros a igreja não caminha, não funciona, não cresce.

A igreja não pode viver de cultos e mais cultos, sem traçar objetivos de crescimento, esperando que Deus envie as almas, e nós como igreja não fazermos a nossa parte.

O que você pode fazer para acelerar o crescimento da sua igreja?

A resposta é COOPERE.

COOPERE com sua presença: Tivemos um tempo que as igrejas eram abertas todos os dias, hoje nem todas seguem esse padrão, reduzindo os dias de cultos, entende-se que o agrupamento de crentes é maior, porém, percebe-se uma “desmotivação” em estar na igreja, que pode ser gerada por diversos fatores. A ausência dos cultos, reuniões de oração e escola dominical gera um esfriamento na igreja.

COOPERE com o culto: Um culto memorável é marcado pelas manifestações de Deus através dos dons, a igreja deve cooperar com o andamento do culto, se mostrando alegre, motivado, atento ao andamento do culto.

COOPERE com os irmãos: dizem que não se fazem cavalheiros como antigamente, homens gentis, porém, o mesmo acontece na igreja, ações como acompanhar alguém até a frente, mostrar-lhe um bom lugar, uma saudação calorosa, mostram-se cada vez mais ausentes, o esfriamento chegou até ao tratar entre irmãos.

COOPERE com os visitantes: Deixar o visitante a vontade, é função do porteiro, dos obreiros, da igreja e de todos, para que a pessoa tenha o desejo de retornar a casa, ela deve ser bem tratada, deve ser ouvida, aconselhada, ela deve sair convicta que ali há um povo que a ama e um Deus que pode ajuda - lá.

COOPERE com a manutenção financeira: Dizimar é a obrigação do crente, pois não se trata de uma criação humana e sim uma ordem divina através da bíblia. Porém o mesmo não deve ser forçado, ou como para agradar a homens, e sim pela fé. Ofertar, não é obrigado. Porém é uma maneira de adorar a Deus. É expressar sua gratidão.

abraço
Erik Têndoro

Related Posts with Thumbnails

Pesquisar no blog